Garrafa de bebida foi motivo de briga que acabou na morte de amigos em Mafra

Foto: Arquivo Pessoal/Divulgação/PNN

Garrafa de bebida foi motivo de briga que acabou na morte de amigos em Mafra

A Polícia Civil revelou o motivo da morte de dois amigos após um acidente de trânsito em Mafra, no Planalto Norte catarinense. Jefferson Dittrich morreu preso às ferragens no local da colisão, que aconteceu em 24 de maio. Já o motorista, Jean Tiago Elias, conseguiu sair do veículo mas foi agredido por um grupo de homens.

A investigação concluiu que uma garrafa de bebida causou a briga entre as vítimas e o grupo de homens e que as agressões resultaram na morte de Jean. De acordo com o delegado Eduardo Borges, quatro pessoas foram indiciadas pelo crime de lesão corporal seguido de morte. A pena pode chegar a 12 anos.

Relembre o caso

A briga, agressões e acidente aconteceram na mesma região, na avenida Presidente Nereu Ramos, localizada no bairro Jardim Moinho. Câmeras de segurança flagraram a briga generalizada em um bar da via.

Após essa primeira confusão, Jean e Jefferson saíram do estabelecimento em um carro de luxo, uma Mercedes-Benz C. De acordo com relatos, os dois saíram em alta velocidade pela avenida.

O carro perdeu o controle ao passar em uma faixa de pedestre elevada e colidiu com a traseira de um caminhão estacionado. O veículo seguiu por mais alguns metros até parar totalmente ao atingir uma mureta.

Em vídeos que circulam na internet, é possível ver o momento em que Jean está em pé, do lado de fora do carro, logo após colidir com a mureta. O grupo de homens chega próximo à vítima e começa a agredi-lo. Jean tenta fugir e acaba caindo próximo ao carro. As agressões continuam até que ele consegue levantar e fugir.

Apesar de Jean ter saído do veículo após o acidente, o carona, Jefferson Dittrich, morreu preso entre as ferragens do carro de luxo. Já Jean foi encontrado morto a 100 metros do local da colisão, próximo ao trevo da BR-116.

De acordo com a invetigação, as severas agressões resultaram na morte de Jean. “Além das agressões, durante a fuga o grupo atropelou uma mulher nas proximidades”, relata o delegado.

As vítimas, Jean e Jefferson, tinha 31 e 28 anos, respectivamente.

Autor:

ND

Publicado em:

24/06/2024

Compartilhe:

Pesquisar Notícia

Increva-se

Receba as últimas notícias, eventos e ofertas especiais diretamente em sua caixa de entrada.​